domingo, 25 de julho de 2010

TEMPO





Porque o tempo passa tão rápido 
Seu tempo não me acompanha
Este mesmo tempo demora para poder te ver
E quando chega no exato tempo
Tudo se torna num desejo sem palavras
Ficam os olhares de admiração, constantes
Esperando que o tempo não acabe

Troca de sorrisos refletidos no espelho d´água
Quando teu corpo, lindamente moldado
Dourado pelo sol, brilha no mergulhar
Mergulhos charmosos, excitantes
O privilégio são das ondas que podem te abraçar
Da areia em sentir o calor do teu corpo
O suor poder escorrer e tocar os seus lábios

Nossos passos caminham em direções opostas
Buscam o COTIDIANO, deixando pegadas nos corações
Que teimam em trocar mensagens que serão esquecidas
No fim deste tempo
Porque o tempo será o passado de boas lembranças
Nosso tempo deveria ser eternamente juntos
Independente do tempo em que viemos e vivemos


Wagner Pires

Nenhum comentário: